FILARMÔNICA DE ALAGOAS APRESENTA O QUEBRA NOZES NO TEATRO DEODORO

4 de abril de 2018

Filarmônica de Alagoas apresenta Suíte “O Quebra Nozes” nesta sexta (6/4). Obra de Tchaikovsky marca a segunda apresentação da temporada de concertos da Série Selma Brito no Teatro Deodoro

Nesta sexta (6/4), dando continuidade à temporada de música clássica em Alagoas e à Série Selma Britto, lançada mês passado, a Filarmônica de Alagoas apresenta a Suíte “O QUEBRA NOZES” de Tchaikovsky.

14453603042018_unnamed__1_

Destaque deste Concerto, “O Quebra-nozes” agrupa-se entre as obras de plena maturidade de Tchaikovsky e foi feita no ano anterior à sua morte . E streado em 18 de dezembro de 1892 no Teatro Mariinsky, em St. Peterburg, então capital da Rússia imperial, foi um dos três balés criados pelo compositor e teve como inspiração a versão francesa de Alexandre Dumas sobre um conto fantástico do escritor alemão E. T. A. Hoffmann.  Prestando homenagem à infância e à fantasia, representa um momento de serenidade, antes do subjetivismo sombrio da derradeira Sinfonia Patética . A peça original tem duas horas e a Filarmônica de Alagoas selecionou, para este Concerto, a Suíte – que tem cerca de 30 minutos. Tchaikovsky compôs seguindo exigências precisas de Petipa – cada cena do balé era minuciosamente descrita pelo coreógrafo, compasso por compasso. Surpreendentemente, essa rigidez não perturbou o compositor, e a música flui com naturalidade impressionante.

O programa do Concerto conta ainda com a abertura da ópera “A Flauta Mágica” de  Mozart e o Concerto N. 1 em Fá menor de Weber. A série foi desenvolvida para formação de plateia, por meio da execução de um programa dedicado ao repertório sinfônico tradicional, valorizando o que temos de melhor no Estado. Para tanto, a Filarmônica conta com a presença de solistas de Alagoas, nacionais e internacionais. E neste segundo concerto da Série, a Filarmônica de Alagoas convidou o Clarinetista Cláudio Gouveia, natural de Marechal Deodoro, clarinetista desde os 13 anos, professor de Clarineta, Saxofone e teoria e percepção musical. Junto à Orquestra também estará a Pianista Selma Britto – Musicista alagoana que dá nome à Série.

O objetivo é apresentar ao público alagoano obras consagradas, outras inéditas e, sobretudo, fomentar a música de Concerto, proporcionando à sociedade maior contato com essa arte tão sublime e fascinante. Com o apoio da Diretoria do Teatro de Alagoas (DITEAL), os Concertos terão duração de aproximadamente 90 minutos e serão realizados de março a dezembro de 2018 no palco mais tradicional do Estado de Alagoas, o Teatro Deodoro, sempre nas primeiras sextas-feiras de cada mês, às 20h.

Deixe o seu comentário: